terça-feira, 27 de dezembro de 2016

Por Que o Crente Deve Amar o Irmão? 04/12/2016

     Sermão proferido pelo Pr. Edson Rosendo, do púlpito da Igreja Batista da Graça em Caruaru, no domingo, dia do Senhor, 04 de dezembro de 2016.
ESBOÇO DA PREGAÇÃO
Tema: Por que os crentes devem amar os irmãos?
Texto Base: 1 Pedro 1.22-25

      (1) Porque eles estão no estado de pureza;
      (2) Porque eles dispõem dos meios para amar;
      (3) Porque Deus os ordena a isso

REFLEXÃO:
PROMOVIDO A ESTAR COM CRISTO
     Um dos assuntos mais controversos para os seres humanos é a morte. Muitas pessoas costumam fugir da ideia de pensar sobre ela, ainda mais quando se é jovem e tem-se, comumente falando, ‘uma vida pela frente’. No entanto, quando olhamos a morte do ponto de vista da fé cristã, nosso pensamento deve ser outro. A morte não é o fim, mas é o começo. É o começo de uma nova vida longe do pecado, da dor, das lágrimas de sofrimento que nos atingem neste mundo. 
     A morte para o crente significa o tão esperado encontro com o nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo. O momento em que finalmente desfrutaremos das bênçãos celestiais, longe de tudo aquilo que nos afastou dEle enquanto vivíamos aqui na Terra. Quando morre um crente, ele finalmente é promovido a uma vida eterna incorruptível. Enfim poderá adorar a Deus eternamente. Estará livre da presença do pecado, das provações, dos inimigos do Senhor. 
     Enquanto vivermos nesta terra, devemos praticar os frutos da regeneração, mas muito mais, devemos mirar a eternidade. Fitar os olhos em Cristo, almejando ser promovido a estar com Ele para sempre, no céu, que é incomparavelmente melhor.
Pr. Edson Rosendo de Azevedo
Igreja Batista da Graça em Caruaru

segunda-feira, 26 de dezembro de 2016

A Necessidade do Cristão Viver em Santidade - 20/11/2016

     Sermão do Pr. Edson Rosendo, no domingo, Dia do Senhor, 20 de novembro de 2016, proferido do púlpito da Igreja Batista da Graça em Caruaru.

ESBOÇO DA PREGAÇÃO
Tema: A necessidade do cristão viver em santidade
Texto Base: 1 Pedro 1.14-21

     1. Deus exige santidade dos seus filhos - v.14-16
     2. Deus exige dos seus filhos uma vida de temor - v.17
     3. Deus exige dos seus filhos uma vida voltada para Cristo - v.18-21
_________________

Reflexão
SANTIDADE NA VIDA FAMILIAR

     Os cristão são unânimes em afirmar: o lugar mais difícil de ser verdadeiramente cristão é no lar. Isto porque em casa vivemos bem acomodados em nossos costumes. Vivemos mais tranquilos quanto ao nosso modo de portar. As normas de etiqueta que utilizamos fora de casa nem sempre são observados dentro do lar. Muito menos observamos a forma como nos dirigimos uns aos outros ou como consideramos os membros de nossa família. E nisto reside um grande perigo, porque o Senhor deseja que reflitamos a Sua glória em todas as áreas da nossa vida, inclusive a familiar. Sem dúvida uma das formas mais importantes de fazermos isto, é adorando a Deus com a nossa família. E embora esta tarefa envolva todos os membros da família, é do marido/pai que Deus requererá o andamento espiritual do seu lar. Por isso os homens precisam estar constantemente munidos da Palavra de Deus para que possam apascentar sua esposa e filhos no temor do Senhor, mantendo a santidade no lar, que certamente refletirá a glória de Deus, lá fora.
Pr. Edson Rosendo de Azevedo
Igreja Batista da Graça em Caruaru

quinta-feira, 22 de dezembro de 2016

O Desafio de Viver Santamente em Meio às Perseguições - 13/11/2016

     Sermão proferido pelo Pr. Edson Rosendo, no domingo, Dia do Senhor, 13 de novembro de 2016, do púlpito da Igreja Batista da Graça em Caruaru.

Tema: O desafio de viver santamente em meio às perseguições
Texto Base: 1 Pedro 1.13
        1. Viver em pureza de vida
        2. Viver em sobriedade de vida
        3. Viver em esperança de vida
__________________

Reflexão:
ORDEM E DECÊNCIA NA VIDA PESSOAL

     A Bíblia está cheia de exemplos de como o nosso Deus ama a ordem e a decência. Desde a semana da criação, tudo foi organizado de modo perfeito e para a Sua glória. Em Isaías 45.18, por exemplo, é dito que Ele criou a Terra não para ser um caos. Isto aponta para a necessidade de sermos organizados em nossa vida pessoal, em família, na igreja e na sociedade. 
     Manter o padrão de ordem e decência na vida pessoal requer disciplina. O zelo não tem sido uma característica marcante na cultura do brasileiro, por isso precisamos nos esforçar em nosso cotidiano para realizarmos os nossos afazeres com sabedoria e ordenança. Em termos práticos, a vida precisa ser organizada em uma agenda de tarefas a serem cumpridas. Os horários precisam ser respeitados.
     Deus se agrada quando seu povo aprende a remir o tempo. Em tudo isto, porém, o objetivo primordial do cristão nas suas atividades versa manifestar a glória de Deus. O Seu caráter ordeiro deve expresso nas atitudes do Seu povo, a fim de que o mundo, vendo isto, possa glorificar a nosso Pai que está nos céus.
Pr. Edson Rosendo de Azevedo
Igreja Batista da Graça em Caruaru

Aprendendo a Admirar a Salvação - 30/10/2016

     Sermão proferido pelo Pr. Edson Rosendo, no domingo, Dia do Senhor, 30 de outubro de 2016, do púlpito da Igreja Batista da Graça em Caruaru.


Esboço da Pregação
Tema: Aprendendo a admirar a salvação
Texto Base: 1 Pedro 1.10,11
     * Por que admirar a salvação?
           1. Porque ela foi anunciada pelos profetas;
           2. Porque ela foi revelada por Deus;
           3. Porque ela foi proclamada pelos apóstolos;
           4. Porque ela foi anelada pelos anjos.
______________

REFLEXÃO
Você é Grato Por Sua Salvação?
     A oração é composta de alguns aspectos fundamentais. Por exemplo: devemos enaltecer a pessoa de Deus. Igualmente devemos elevar a ele as nossas necessidades e dos nossos semelhantes. Não sem menor importância, devemos agradecer a Ele por tudo quanto nos têm dado. 
     Mas… você se lembra de agradecer a Deus pela sua salvação? Ser salvo por Deus significa ter sido tirado do lamaçal do pecado, ter sido lavado com o sangue do Cordeiro de Deus, que tira o pecado do mundo, ser santificado dia a dia pelo seu Santo Espírito, que nos assiste em nossas fraquezas e nos ilumina no entendimento da sã doutrina. 
     Mas não merecemos nada disso. Recebemos a salvação de Deus pela graça, mediante a fé. Foi um ato exclusivo de Deus por nós quando ainda éramos seus inimigos. É certo que devemos agradecê-Lo por termos saúde, comida, moradia, uma igreja onde podemos cultuar e onde a pregação tem sido de acordo com a Escritura e tantas outras circunstâncias… 
     Mas devemos muito mais agradecê-Lo pela vida eterna em Cristo Jesus e por sermos contados como ovelhas do Seu rebanho. 
     Se não somos gratos e não desenvolvemos o que dEle recebemos, “como escaparemos nós, se negligenciarmos tão grande salvação”? (Hebreus 2.3a)
Edson Rosendo de Azevêdo
Igreja Batista da Graça em Caruaru

Reações Paradoxais em Meio às Provações - 23/10/2016


     Este sermão foi proferido pelo Pr. Edson Rosendo, no domingo, Dia do Senhor, 23 de outubro de 2016, do púlpito da Igreja Batista da Graça em Caruaru:


Esboço da Pregação
Tema: Reações paradoxais em meio às provações
Texto Base: 1 Pedro 1.6-9

     1 – O cristão exulta em Cristo
          * Em meio às tristezas das provações;
          * De modo indizível e cheio de glória.

     2 – O cristão confirma a sua fé em Cristo
          * Em meio ao fogo das provações;
          * Com amor e fé, mesmo sem vê-lo;
          * Chegando ao fim da salvação.
_________________________

Reflexão
MIRE A ETERNIDADE

     Todo acontecimento na vida humana acarreta ônus e bônus. O novo nascimento também traz esses dois aspectos. Na verdade, quando somos alcançados pela graça de Deus e professamos a nossa fé, batizando-nos e vivendo em novidade de vida, é-nos dito que teremos muitas aflições neste mundo.
     Pudera, como novas criaturas, vamos aprendendo que este mundo não mais é compatível com a nossa cosmovisão, pois ela, agora, está centrada em Cristo, que a todos dá vida, respiração e tudo mais. 
     Assim, viver neste mundo como filhos de Deus significa carregar ônus que são, por vezes, difíceis de serem suportados, porém, são passageiros e muito leves, se comparados ao grande bônus de uma vida santificada. 
     O bônus? Ah… o bônus é a vida eterna! É desfrutas da presença de Deus ininterruptamente, sem o pecado para nos afastar do nosso Criador. É viver eternamente glorificando o nosso Deus que é majestoso, grande em poder e glória. 
     A vida eterna, se comparada às lutas deste mundo, produzem em nós, eterno peso de glória. E é nesta promessa que devemos descansar, de estarmos com o Senhor. Lá não mais haverá dor ou pranto, nem mágoas, mas uma adoração permanente Àquele que está assentado no trono, a quem devemos toda honra e louvor, pelos séculos dos séculos. Amém.
Pr Edson Rosendo de Azevedo
Igreja Batista da Graça em Caruaru

domingo, 11 de dezembro de 2016

Alegria em Meio às Provações - 16/10/2016


     Sermão proferido pelo Pr. Edson Rosendo, do púlpito da Igreja Batista da Graça em Caruaru, no domingo, Dia do Senhor, 16/10/2016, baseado em 1Pe.1:3-5, com a seguinte divisão:
     Porque ele tem uma viva esperança – v. 3
          * Pela misericórdia de Deus;
          * Pela ressurreição de Jesus.

     Porque ele tem uma herança ímpar - v.4

          * Ela é incorruptível;
          * Ela é sem mácula;
          * Ela é imarcescível;
          * Ela está reservada nos céus.

     Porque ele é guardado pelo poder de Deus – v. 5
          * Pela fé;
          * Para a plenitude da salvação.

=======
Reflexão:
AFASTANDO A INCREDULIDADE E GLORIFICANDO A DEUS

     Deus criou o mundo para a Sua própria glória. Cada obra criada revela Sua majestade de modo singular e perfeito. Tanto é que a cada feito, Deus via que tudo era bom. Assim também se deu com a criação humana: Deus fez o homem à Sua imagem e semelhança e após a Sua obra, ele viu que era muito bom. 
     Embora os homens pequem e a natureza gema e suporte angústias aguardando o dia da redenção, não fomos desobrigados da nossa tarefa de glorificarmos a Deus e desfrutarmos para sempre dEle. Mas, infelizmente, por vezes somos tomados de uma incredulidade imensa, que nos afasta do Deus vivo. Foi assim com o povo de Israel: na iminência de entrar na terra prometida, não glorificaram a Deus por todos os milagres recebidos desde a saída do Egito até ali, mas preferiram duvidar de que conquistariam Canaã, com base no discurso incrédulo de alguns espias. 
     Assim nós, recebemos diariamente milagres portentosos que revelam a glória de Deus e somos céticos em acreditar que Ele é o Deus criador e mantenedor de todas as coisas e, certamente, vai à frente de toda nossa vida. 
     Que confiemos no Senhor, glorificando-O como nosso Rei, pois para isto mesmo fomos criados.
Pr. Edson Rosendo
Igreja Batista da Graça em Caruaru

Como a Trindade Cuida dos Crentes - 09/10/2016

     Sermão proferido pelo Pr. Edson Rosendo, do púlpito da Igreja Batista da Graça, no domingo, Dia do Senhor, 09/10/2016, baseado em 1Pe.1:1-2. Tem a seguinte divisão:

O Pai elege os que hão de crer
     * A eleição é segundo a vontade do Pai
     * A eleição é segundo a presciência do Pai

O Filho acolhe os que hão de crer
     * Enviando-lhes o pregador
     * Aspergindo-lhes o seu sangue
     * Alcançando-os onde estiverem

O Espírito mantém na graça os que creem

     * Santificando-os
     * Conduzindo-os pela obediência
=============================
Reflexão:
OUVINDO DEUS
     Você conversa com Deus? Para haver um bom diálogo, é preciso que as duas pessoas falem. Talvez você seja uma pessoa de oração, é quando está falando com Deus. Mas você tem ouvido o que Deus fala através da Sua Palavra? 
     Ninguém é um bom cristão se não tiver a sã doutrina no coração. É impossível ensinar os filhos no temor do Senhor se estas palavras não estiverem, primeiro, no coração dos pais. Não há vida de confissão de pecados sem que a Palavra esteja escondida no coração dos filhos de Deus. Só é possível sentir que a Lei de Deus é mais doce que o mel e o destilar dos favos, se vivemos leitura diária e obediência aos seus preceitos. Só se conhece a intimidade do Senhor quando Ele se deixa conhecer através da Sua aliança, revelada na Bíblia. 
     Se você ama a Deus, deve buscá-Lo ansiosamente, como a corça suspira pelas águas. Você não O encontrará em outro lugar melhor do que nas páginas da Escritura, onde Ele revela sua divindade, sua glória, sua obra para redimir pecadores, conduzindo-os ao lar eterno. 
     Ouça-O em todos os seus desígnios e cumpra aquilo que Ele ordena. 
     Que Ele seja o seu deleite, para todo sempre.

Pr. Edson Rosendo
Igreja Batista da Graça em Caruaru

O Reconhecimento de Deus e da Sua Glória - 02/10/2016

     Esse sermão inicia os estudos na Primeira Carta de Pedro, dando uma visão panorâmica do Livro. Foi proferido do púlpito da Igreja Batista da Graça em Caruaru, no domingo, Dia do Senhor, 02/10/2016, foi baseado em 1Pe.1:1-2, e tem a seguinte divisão:

Enaltecendo Deus, o Filho
   * Pedro proclama a humanidade de Jesus;
   * Pedro proclama a divindade de Jesus.

Enaltecendo Deus, o Pai
   * Pedro apresenta o Pai, como o Soberano;
   * Pedro apresenta outros atributos de Deus.

Enaltecendo Deus, o Espírito Santo

   * Sua divindade;
   * Sua obra soberana
_______________________________________________________________

Reflexão: 
QUANDO TUDO PERANTE O SENHOR ESTIVER

     Que Deus é Senhor de todas as coisas, somos bem convictos disso em nossa fé. O que muitas vezes nos esquecemos é que Ele se agrada de nós quando demonstramos o quanto dependemos dEle, em todas as áreas da nossa vida. E o meio pelo qual podemos fazer isto diante de Deus é pela oração.
     Quando oramos, enaltecemos a pessoa de Deus, agradecemos pelos seus feitos para conosco, mas também colocamos diante do Seu altar todas as nossas inquietações e necessidades. Oramos assim porque confiamos que Ele não só é o nosso Criador, como também é o Mantenedor de todas as coisas. É por isso que lemos em sua Palavra que Ele sustenta todas as coisas pela palavra do Seu poder. 
     Orar a Deus significa demonstrar toda nossa pequenez e insignificância diante de toda sua Majestade e Poder. 
     Confie no Senhor de todo teu coração. Lance sobre Ele as suas necessidades, pois Ele supre cada uma delas em Cristo Jesus. Só, então, verás os grandiosos feitos do Senhor e poderás glorificá-lo por Sua vontade, que é sempre boa, perfeita e agradável.
Pr. Edson Rosendo
Igreja Batista da Graça em Caruaru

terça-feira, 25 de outubro de 2016

Os Custos de Cumprir o Chamado - 25/09/2016

     No domingo, Dia do Senhor, 25/09/2016, o Pr. Edson Rosendo concluiu os sermões baseados no livro de João. Este é o último sermão, proferido do púlpito da Igreja Batista da Graça em Caruaru.

ESBOÇO DA PREGAÇÃO
     Tema: Os custos de cumprir o chamado
     Texto: João 21.18-23
     Divisão:
          1. Disposição para morrer por Jesus
          2. Morrer de tal modo que glorifique a Jesus
          3. Seguir Jesus de modo perseverante

--------------------
REFLEXÃO:
    NOSSOS OLHOS ESTÃO EM TI, SENHOR
     Os filhos de Deus estão no mundo, mas não são do mundo. Vivemos nesta terra como peregrinos, pois a nossa morada é celestial. Vivemos como os Israelitas viveram por 40 anos: no deserto. O deserto não é um lugar de fácil habitação. Não tem água em abundância e não é uma terra da qual possamos dizer, como o poeta, “em se plantando, tudo dá”. No deserto há caminhos difíceis, íngremes e o calor escaldante dificulta todo percurso, pois tira de nós a força que precisamos para prosseguir. 
     Mas… assim como no deserto o povo não teve fome, nem sede, nem sequer desgastou-se as suas roupas e calçados, nós recebemos de Deus toda provisão para nossa caminhada à pátria celeste. Aliás, é a certeza de que estaremos com Cristo que torna a nossa peregrinação um oásis em meio ao deserto. Nossa esperança não está nas coisas do presente, mas em um porvir glorioso, desfrutando da maravilhosa presença de Cristo, estando longe de toda dor, todo pecado e tudo aquilo que nos afasta dEle. 
     A fé e a esperança nos conduzem ao pleno amor em Cristo. Tendo nossos olhos fitos no Senhor, somos encorajados dia a dia a tomarmos a nossa cruz e O seguirmos, na esperança de estar com Ele em breve, o que é incomparavelmente melhor.
Pr. Edson Rosendo
Igreja Batista da Graça em Caruaru

segunda-feira, 17 de outubro de 2016

Jesus Examina a Chamada de Pedro - 18/09/2016

     Sermão proferido pelo Pr. Edson Rosendo, no dia 18/09/2016, do púlpito da Igreja Batista da Graça em Caruaru.

ESBOÇO da PREGAÇÃO:
Tema: Jesus Examina a Chamada de Pedro
Texto: João 21.15-17

     1. Lembrando-o da condição em que ele estava ao ser chamado
     2. Investigando-o sobre a presença da característica principal
     3. Ordenando-o cumprir a chamada com diligência



REFLEXÃO: ARREPENDIMENTO EM SINCERO CORAÇÃO
     Por ocasião do nosso novo nascimento, somos conduzidos pelo Espírito Santo de Deus a várias atitudes que demonstram a mortificação da nossa velha natureza e vivificação em Cristo. O arrependimento é uma dessas obras de salvação que foram preparadas por Deus para que andássemos nelas. Arrependimento significa metanóia, ou como dizemos popularmente, mudança de mente. É um ato que acontece primordialmente quando somos chamados por Deus, mas permanece durante toda nossa vida cristã. 
     Embora sejamos filhos de Deus e estejamos em uma peregrinação junto à morada celeste, temos lutas aqui nesta terra e o pecado é uma delas. Como a natureza pecaminosa ainda reside dentro e nós, precisamos nos arrepender diariamente dos nossos pecados, buscando não mais praticá-los. A Palavra de Deus nos encoraja a que vivamos para a glória de Deus e alerta que o princípio da sabedoria é temer a Deus. Temer significa obediência aos seus mandamentos e o arrependimento está entre essas obediências que nos aproximarão de Deus e nos aperfeiçoarão em santidade até a glorificação.
     Aproximem-nos do Senhor em sincero coração contrito e arrependido e Ele endireitará as nossas veredas.

Pr. Edson Rosendo
Igreja Batista da Graça em Caruaru