sábado, 30 de março de 2013

Entregues à Morte o Dia Todo


      Este é um resgate de mais um antigo sermão do Pr. Edson Rosendo, proferido do púlpito da Primeira Igreja Batista Reformada em Caruaru, no domingo 09/01/2001.
      Por que pregar a verdade é colocar a vida em risco? Por que a pregação da verdade é tão indigesta para o ouvido humano?
      O Texto base, Marcos 6:14-29, narra o episódio da morte de João Batista e o sermão tem uma tônica ligada à história da igreja e de como  é comum observarmos os açoites e perseguições que os homens de Deus sofreram tão somente pro falar a verdade.
      Hoje não é diferente. Os homens preferem os seus próprios caminhos aos caminhos de Deus e se revoltam contra Deus e conta a sua pregação. Os seus pregadores são perseguidos por isso e a morte é sempre uma possibilidade para aquele que está comprometido com a verdade!
      Baseado nestes pressupostos, o sermão foi dividido em dois pontos:
           1) A Pregação da Verdade Produz Reações Odiosas
           2) O Fim do Pregador de Deus Pode Ser a Morte

Nenhum comentário:

Postar um comentário